23 de mar de 2009


Te espero,
na certeza dor da tua ausencia.
Te anseio
em minha louca sanidade.
Ultrapasso minhas angústias.
Sufoco verdades.
pois o amor não morre, se cala.
no refúgio dessa saudade....!




Nenhum comentário: