29 de jun de 2010



"Minha vontade agora é sumir. Chamar você. Me esconder. Ir até a sua casa e te beijar e dizer que te amo e que você é importante demais na minha vida para eu te abandonar. Sacudir você e dizer que você é um otário porque está me perdendo dessa maneira. Minha vontade é esquecer você. Apagar você da minha vida. Lembrar de você a cada manhã. Pensar em você para dormir melhor. Então eu percebo: IT’S ME, e minhas vontades são bipolares demais. Só o que não é bipolar demais é a minha ganancia por te ter. Sim, eu escolheria você."

Tati B.

21 de jun de 2010

"Paixão antiga sempre volta nos momentos de fraqueza, amor antigo nos testa quando estamos fortes."


Carpinejar

20 de jun de 2010




"- Você acha que o nosso amor pode fazer milagres?
- Eu acho que o nosso amor pode fazer tudo aquilo que quisermos.
É isso que te traz de volta pra mim o tempo todo."
 Caio Fernando Abreu



"Eu quis sentir o poder de abalar com a vida dele. Depois quis que ele voltasse direitinho pra casa e esquecesse que existe a fraqueza. Eu quis ele por uma aventura, uma risada, uma distração. Depois quis o colo dele para sempre. Como eu preciso ser amada meu Deus, pra parar de dar de bandeja o meu sorriso por aí."

Tati bernardi


"Quando fazemos tudo para que nos amem e não conseguimos, resta-nos um último recurso: não fazer mais nada. Por isso, digo, quando não obtivermos o amor, o afeto ou a ternura que havíamos solicitado, melhor será desistirmos e procurar mais adiante os sentimentos que nos negaram. Não fazer esforços inúteis, pois o amor nasce, ou não, espontaneamente, mas nunca por força de imposição. Às vezes, é inútil esforçar-se demais, nada se consegue; outras vezes, nada damos e o amor se rende aos nossos pés. Os sentimentos são sempre uma surpresa. Nunca foram uma caridade mendigada, uma compaixão ou um favor concedido. Quase sempre amamos a quem nos ama mal, e desprezamos quem melhor nos quer. Assim, repito, quando tivermos feito tudo para conseguir um amor, e falhado, resta-nos um só caminho… o de mais nada fazer."

Clarice Lispector.

19 de jun de 2010



"(...) E chega! Há anos peço o príncipe e só me mandam o cavalo.
(...)Dizem que materializar os sonhos escrevendo ajuda, então lá vai: quero transar com beijo na boca profundo, olhos nos olhos, eu te amo e muita sacanagem, quero cineminha com encosto de ombro cheiroso, casar de branco, ser carregada no colo, filhos, casinha no campo com cerquinha branca, cachorro e caseiro bacana. Quero ouvir Chet Baker numa noite chuvosa e ter de um lado um livrinho na cabeceira da cama e do outro o homem que amo.
(...)Que a gente brigue de ciúmes, porque ciúmes faz parte da paixão, e que faça as pazes rapidamente, porque paz faz parte
do amor. Quero ser lembrada em horários malucos, todos os horários, pra sempre. Quero ser criança, mulher, homem, et, megera, maluca e, ainda assim, olhada com total reconhecimento de território. Quero sexo na escada e alguns hematomas e depois descanso numa cama nossa e pura.
(...)E quando eu tiver tudo isso e uma menina boba e invejosa me olhar e pensar que "aquela instituição feliz não passa de uma união solitária de aparências" vou ter pena desse coração solitário que ainda não encontrou o verdadeiro amor."

Tati Bernardi
 


"Tô esperando o dia que isso vai passar. (...) Tô esperando acabar, passar, morrer, sangrar até o fim. Esperando o tempo que acalma chamas com seus ventos de mil pés distantes. Esperando alguém que ocupe, distraia, desacorrente, solte, substitua, torne nada demais. Esperando não sentir mais ódio e nem tesão e nem ciúme e nem saudade. Esperando porque é o que resta mesmo, não é falta de coragem, não é de se fazer, é de se sentir e só"

Tati B.


"São tristes as manhãs que prometem mais um dia sem ele, são tristes as noites que cumprem a promessa."

Tati B.

18 de jun de 2010



"E você não sabe como vale a pena gostar de alguém e acordar na casa dessa pessoa."

Tati Bernardi

13 de jun de 2010

"Ele não merecia, ele não sabia, ele era só mais um babaca, só mais um cara que mente, que some, que liga pra manter quente, pra não perder a possibilidade sempre que tiver vontade."

Rani G.

11 de jun de 2010



"...E ele dizendo o quanto queria me ver de novo. Mas a vida é complicada. E eu dizendo o quanto queria que ele realmente quisesse me ver de novo. Mas ele é complicado..."

Tati Bernardi.

9 de jun de 2010



"- Garçon, uma dose de amnésia e duas de desapego por favor..
- Vai uma de amor também?!
- Não, não. Deixa pra outro dia!"


C.F.A


"O seu corpo cola-se ao meu. A sua boca vem baixando devagar, vencendo barreiras, colando-se à minha, de leve, de tão leve que receio um movimento, um suspiro, um gesto, mesmo um pensamento."

C.F.A



' ... uma solidão de artista e um ar sensato de cientista.[...] tem aquele gosto doce de menina romântica e aquele gosto ácido de mulher moderna.'

Caio F. Abreu

7 de jun de 2010


"O barulho aqui fora me impede de ouvir o meu silêncio. Meu coração está assim. Farto de todas essas saudades, de todos esses amores fracassados, de todas essas tentativas, de tantas perdas. Ando cansada de certas coisas que antes pareciam ter graça e hoje não fazem sentido algum. Sinto tudo num só instante. Eu sou o pulsar do mundo ao mesmo tempo que o mundo me suga. Meu corpo abriga um cansaço que se expande de dentro pra fora. Dilacera minhas certezas. Embaraçam meus sonhos. Deixa tudo por um fio. E nesse fio eu caminho bamba. Quase caindo. Meu querer se embolou e sabe como eu fiquei? Perdida. Em mim e nessa coisa que eu chamo de meu mundo. Será que em tempos de tantas carências e necessidades, seria ousadia demais a minha denominar algo como "meu"? Eu não sei. A única certeza que tenho é que além de mim, só eu me resto. O que também não é absolutamente estável, porque eu também me traio. Eu também me engano. Às vezes de propósito. Outras vezes por puro descuido ou por realmente merecer. Você acredita nisso: que a gente tem o que merece?"

Tainá Faco



"..que seja doce o dia quando eu abrir as janelas e lembrar de você. que sejam doce os finais de tardes, inclusive os de segunda-feira - quando começa a contagem regressiva para o final de semana chegar. que seja doce a espera pelas mensagens, ligações e recadinhos bonitinhos. que seja (mais do que) doce a voz ao falar no telefone. que seja doce o seu cheiro. que seja doce o seu jeito, seus olhares, seu receio. que seja doce o seu modo de andar, de sentir, de demonstrar afeto. que sejam doce suas expressões faciais, até o levantar de sobrancelha. que seja doce a leveza que eu sentirei ao seu lado. que seja doce a ausência do meu medo. que seja doce o seu abraço. que seja doce o modo como você irá segurar na minha mão. que seja doce. que sejamos doce.." 

Caio Fernando Abreu




Briza M.

5 de jun de 2010



"Quero sempre poder ter um sorriso estampando meu rosto, Mesmo quando a situação não for muito alegre... E que esse meu sorriso consiga transmitir paz para os que estiverem ao meu redor.
Quero poder fechar meus olhos e imaginar alguém... E poder ter a absoluta certeza de que esse alguém também pensa em mim quando fecha os olhos, que faço falta quando não estou por perto.
que dê valor ao que realmente importa, que é meu sentimento...e não brinque com ele."
....
(Mário Quintana)
 
 
"Sinto dizer, mas eu vivo sem você, consigo respirar sem você, sair, me divertir pra caramba e dançar até o pé doer, consigo olhar para outros caras, consigo trocar olhares, consigo não receber uma ligação e ficar numa boa, consigo deitar na cama e não entrar em desespero porque não te vi o fim de semana todo e você nem apareceu. Consigo ir ao cinema, consigo falar besteira o tempo todo com outra pessoa. Eu consigo, cara. e tô falando sério... Digo mais: se eu quiser de verdade te esquecer, isso vai acontecer. Mas existe um porque nisso tudo, é mais ou menos assim: Eu quero me divertir com você, não quero olhar para outros caras, não quero outros olhos que não sejam os seus, quero receber uma ligação e quero te ver no final de semana, quero ir ao cinema e quero falar mil besteiras sem sentido nenhum. Não, eu não quero conseguir te esquecer, não quero nem lutar pra isso acontecer."



Laís Bratfisch


"Tem tanta gente interessante por aí querendo entrar. Deixa. Deixa entrar: na vida, no coração, na cabeça."

Tati B.


PS: Medo!


"Não tenha medo da quantidade absurda de carinho que eu quero te fazer. E de eu ser assim e falar tudo na lata. E de eu não fazer charme quando simplesmente não tem como fazer. E de eu te beijar como se a gente tivesse acabado de descobrir o beijo. E de eu ter ido dormir com dor na alma o final de semana inteiro por não saber o quanto posso te tocar. Não tenha medo de eu ser assim tão agora. E desse meu agora ser do tamanho do mundo."

Tati B.

4 de jun de 2010



"Dane-se a covardia. Você me faz sorrir."
 
 


"Me dá uma vontade de rir por sermos assim tão bobos e nos preocuparmos com tão pouco. E me dá uma vontade de fugir por sermos tão iguais! Dá vontade de sorrir de tanto amor escondido embaixo da raiva e dos sinais..."



"Não existia depressão, não existia abstinência. A esperança de que ele ligasse ou aparecesse ou ficasse para sempre fazia a vida ser boa não importasse a espera. "

Tati B.
 
 
PS: Saudades 

3 de jun de 2010



Que friagem nenhuma seja capaz
de encabular o nosso calor mais bonito.
Que, mesmo quando estivermos doendo,
não percamos de vista
nem de sonho
a ideia da alegria'


" Existem saudades competentes, aquelas que te fazem querer morrer pro mundo não te ver chorar tanto. Porque a gente lembra das risadas, não esquece dos abraços e, menos ainda, se perdoa por ter perdido aquela festa, aquele afago, aquele amor. 

Saudade de verdade não se beija, porque ela se esconde no caminho do que queremos muito mas só lembramos ter tido. Saudade das músicas, dos gostos e dos cheiros, porque a vida continua sempre em frente, mas é nosso passado que modela quem somos hoje. "

Rani G.

1 de jun de 2010

"Esperando não sentir mais ódio e nem tesão e nem ciúme e nem saudade"

Tati B.


"Eu comecei minha faxina. Tudo que não serve mais (sentimentos, momentos, pessoas) eu coloquei dentro de uma caixa. E joguei fora. (sem apego. Sem melancolia. Sem saudade). A ordem é desocupar lugares."

(Fernanda Mello)


"PROMESSA - FUTURO

Prometo não te ligar
Não escutar aquela música
Não olhar aquela foto
Que eu roubei de você.
Prometo nem mais te amar.

Segunda - feira eu começo."

(Fernanda Mello)



"Ele me dá vontade de viver (...) Ele me dá vontade de cantar, de rir, de ser feliz! Me dá força, me dá fé."

(Caio Fernando Abreu)


"Como é triste lembrar do bonito que algo ou alguém foram quando esse bonito começa a se deteriorar irremediavelmente."

(Caio Fernando Abreu)

"É tempo de recolher a fantasia e me voltar um pouco para dentro."

(Caio Fernando Abreu)