31 de out de 2009



“Quando eu saí da tua vida
Saí morrendo de medo do desejo de ficar”

Trecho da canção O Leite, de Otto


25 de out de 2009


eu estou cansada... de tudo; principalmente de mim.


22 de out de 2009


Às vezes olhavam-se. E sempre sorriam (...)

Caio Fernando Abreu



18 de out de 2009


O cheiro do teu corpo persiste no meu durante dias. Guardo, preservo, cheiro o cheiro do teu cheiro grudado no meu.

C.F.A


14 de out de 2009




Funciona assim:
você chega mais perto
e me abraça forte.
Conta até três.

O resto do mundo, surdo,
deixa lá fora.
Fecha a porta.

[e se fecham os teus olhos nos meus desejos]

Aqui só entram a cor
e o orvalho da manhã,
em doces enlaces de
sonhos.


12 de out de 2009




"Na verdade eu não tenho muito para lhe oferecer

Não possuo nada de extraordinário
Não sou um gênio
Não tenho um coração livre de impurezas
Não sou dona da beleza mais magnífica do planeta
Na verdade posso não ter o suficiente para lhe ofertar


Apenas a minha visão sobre o amor e o mundo e as noites
Apenas as minhas mãos suaves e macias e claras
Apenas a minha alma transparente e rosa
Apenas a minha boca cor de maçã e suave
Apenas o que é meu e posso lhe doar, sem pedir nada em troca:

Meu amor.

(pode não ser o suficiente, talvez seja o melhor que há.)

Clarissa Côrrea

7 de out de 2009





(...) eu não consigo te decifrar: talvez, entre suspiros, consiga entender do que se trata, mas agora que estou apenas rodeada por palavras, por tuas palavras, não chego a nenhuma conclusão do que você quer me dizer. Se fosse possível, eu gritaria tão alto que você ouviria da sua casa, e dentro desse grito você compreenderia tudo que eu tenho a falar: a você, ao mundo, ao meu próprio amor. Se eu pudesse, eu estancaria todas as palavras agora. As palavras estão me confundindo. A sua linguagem me está confundindo. Talvez eu tenha feito o mesmo com você, talvez eu nunca saiba. Se eu conseguisse, correria até você agora, nesse instante, te abraçaria como sonho fazer todos os dias, te abraçaria e encostaria minha cabeça no teu peito, de modo a ouvir teu coração batendo. Você poderia, então, ouvir meus pensamentos e nós ficaríamos em silêncio, nos entendendo(...)




4 de out de 2009

Reclamação formal por escrito

Prezado Senhor dono do meu amor,

Fiquei sonhando com você e não consegui dormir a noite inteira. E essa não foi a primeira vez. Nem de longe.

Atenciosamente.

3 de out de 2009




''É que vez enquando dá uma saudade na gente dessas coisas. São todas coisas simples. Meio bobas, muito bonitas. (...) Mas tudo bem. A gente sempre pode inventar. Inventar é uma das melhores coisas que tem no mundo''


CFA